quarta-feira, 16 de março de 2016

MONTOYA, O COLOMBIANO VOADOR, VENCE PROVA DE ABERTURA DA F-INDY EM ST. PETERSBURGO

Montoya faz bonito em St.Petersburgo (Foto:Divulgação/IndyCar)

No último domingo foi realizado a primeira etapa da Fórmula Indy nas ruas de St. Petersburgo, Norte do estado da Florida (EUA), a prova como já era esperado foi bastante conturbada e como diz o amigo Téo José: "recheada de emoção".

A vitória veio pelas mãos do time da Penske-Chevrolet, assim como em 2015 na última prova da temporada. Montoya, o colombiano voador após uma relargada mostrou sua força, ousadia e competência, e subiu no lugar mais alto do pódio. O pulo do gato veio depois que houve um acidente envolvendo uns sete carros, na volta 57. Veja o Big one (risos):




A segunda colocação ficou com o outro piloto da Penske, o francês Simon Pagenaud, também da Penske, e o americano Ryan Hunter-Reay, da Andretti-Honda, fechou a lista dos três primeiros colocados. O melhor brasileiro ao final das 110 voltas do circuito urbano foi Helinho (Penske), finalizando a prova na quarta colocação, posição esta perdida na penúltima volta para o americano Ryan Hunter-Reay.



Tony Kanaan da Chip Ganassi terminou em um modesto nono lugar enquanto seu companheiro de equipe e atual campeão, Scott Dixon fechou em sétimo.

Brasileiro (Kanaan) posa para uma selfie.


Confira o resumão da prova no vídeo abaixo:







  •  Classificação completa do GP de St. Petesburgo:


 1. Juan Pablo Montoya
 2. Simon Pagenaud
 3. Ryan Hunter-Reay
 4. Helio Castroneves
 5. Mikhail Aleshin
 6. Takuma Sato
 7. Scott Dixon
 8. Carlos Munoz
 9. Tony Kanaan
 10. Charlie Kimball
 11. Jack Hawksworth
 12. Alexander Rossi
 13. Conor Daly
 14. Spencer Pigot
 15. Marco Andretti
 16. Graham Rahal
 17. Max Chilton
 18. Oriol Servia
 19. James Hinchcliffe
 20. Luca Filippi
 21. Sebastien Bourdais
 22. Josef Newgarden



CONVITE CHAMPIONSHIP F1


Fazendo entrega do troféu ao Campeão 2015, Ivan Santos


Temos a honra de convidar você, amante e apaixonado fã de F-1, para participar do CHAMPIONSHIP F1, campeonato de pilotos, onde fará com que o participante torça por melhores resultados de seus pilotos preferidos.Concorra a prêmios, troféus, dinheiro e muito mais!


Confira o regulamento: championshipf1master.blogspot.com



PRÊMIO CHAMPIONSHIP F1 - BONÉ JPS 97T, TIME DA LOTUS (1985)




Ao se inscrever no nosso campeonato, o participante  estará concorrendo automaticamente a um Boné  JPS Lotus 97T (1985), onde retrata  o time ao o piloto brasileiro  Ayrton Senna disputou a temporada de 1985.

Confira o regulamento aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Deixe aqui seu comentário. Obrigado!

TV MOTOR

TV MOTOR

ULTIMAS VOLTAS GP BRASIL 2006

PODERÁ GOSTAR TAMBÉM

IMAGEM DA SEMANA - FERRARI ANUNCIA REVELAÇÃO BRASILEIRA PARA ACADEMIA DE PILOTOS

A Ferrari anunciou nesta terça-feira (5) que o brasileiro Gianluca Petecof, de 15 anos, fará parte da academia de pilotos da escuderia italiana. Ele se juntará a um grupo que conta com o também brasileiro Enzo Fittipaldi, neto do bicampeão mundial Emerson Fittipaldi.


Petecof se destacou no Mundial de Kart deste ano. O piloto de 15 anos terminou na sexta colocação, sendo o brasileiro mais bem posicionado.



Fonte de pesquisa e reprodução: uolesportes

POLÊMICA DA SEMANA - MARCHIONNE SE QUEIXA DE APRESENTAÇÃO DE PILOTOS NOS EUA

Uma das ações mais elogiadas entre as produzidas pela Fórmula 1 nesta temporada, a apresentação dos pilotos no Grande Prêmio dos Estados Unidos foi criticada por Sergio Marchionne, presidente da Ferrari. Nesta terça-feira (5), o dirigente alegou que o Liberty Media, proprietário da categoria, precisa “preservar” o esporte.


Na ocasião, os pilotos foram à pista do Circuito das Américas ao comando de Michael Buffer, consagrado apresentador de lutas de boxe e irmão de Bruce Buffer, annoucer das lutas do UFC. Os competidores foram chamados um a um, como acontece nas partidas da NBA.


“Eu acho que precisamos preservar (o esporte), precisamos modernizá-lo de uma maneira que os americanos achem relevante. “E essa é a parte complicada que eu acho ainda que Chase e eu precisamos conversar. Estamos caminhando por uma corda bamba sobre isso, porque se formos muito longe para tentar atrair, bom…”, disse Marchionne.


“A apresentação dos pilotos em Austin e a forma como organizamos o show não foi o que eu acho que um evento de Fórmula 1 deve ser. Mas fez parte de um exercício de testes e erros, e não acho que aquilo funcionou incrivelmente bem”, seguiu o dirigente da Ferrari.


“Eu acho que muitos dos europeus ficaram um pouco surpresos com o que aconteceu. Precisamos encontrar algo intermediário, que de alguma forma apaixone e realce o interesse do público em ambos os lados”, explicou o italiano, ressaltando porém que é necessário a Fórmula 1 ter relevância nos Estados Unidos.


“Eu acho que é justo dizer que Chase (Carey) e eu concordamos que precisamos de espaço nos Estados Unidos. Eu acho que há uma oportunidade se fizermos as coisas certas. Se fizermos isso, acho que isso irá beneficiar o esporte tremendamente”, seguiu.


“Mas precisamos ter cuidado para que esse desejo de nos tornar atraentes para o público americano não acabe com nosso DNA de esporte que tem algumas origens nobres”, completou.


Fonte de pesquisa e reprodução: racingonline


VÍDEOS INTERESSANTES, EDIÇÃO Nº 25 - FABRICAÇÃO DE UM F-1

GP COMPLETO

GP COMPLETO

GP MALÁSIA 2004

O nosso quadro GP Completo, edição nº 7 traz o GP da Malásia de 2004 (segunda prova da temporada), já que estamos em um final de semana de corrida de F-1 (GP Malásia) e não por acaso, que escolhi a Malásia para esta edição.Um grid cheio com bastante carros e pilotos, interessante dizer que em 2004 tínhamos três pilotos brasileiros : Barrichello (Ferrari), Cristiano da Matta (Toyota), Felipe Massa (Sauber).

CINEMA NO BLOG

CINEMA NO BLOG

EM CARTAZ

EM CARTAZ

ECURRALADO

CARINHA DO BLOG (TRISTE)

CARINHA DO BLOG (TRISTE)

O número 13 parece não dá sorte mesmo, pois bem, foi o que aconteceu com o Oreca nº 13 da Rebellion Racing, pilotado por Nelsinho Piquet, Mathias Beche e David Heinemeier-Hansson, eles tinham conquistado o segundo lugar da classe LMP2 e o terceiro posto geral.


Mas a equipe teve que fazer um reparo no motor de arranque e por isso abriram um buraco no carro ao qual danificou uma das homologações, ferindo assim o regulamento. E daí a punição. lamentável!!!

DEDICATÓRIAS

DEDICATÓRIAS
Poster autografado (por Nelson Piquet) para o blogueiro Claudio Heliano

'

'
Poster autografado (por Nigel Mansell) par ao blogueiro Claudio Heliano

'

'
Autografada por Luiz Razia