quarta-feira, 11 de março de 2015

POLÊMICA DA SEMANA - HOLANDÊS GANHA PROCESSO CONTRA A SAUBER E EAMEAÇA ESTREIA DE NARS

(Foto: Agência Reutes)



Corte australiana confirma direito de Giedo van der Garde a uma vaga no GP de Melbourne, no próximo fim de semana; Sauber entra com recurso


A estreia do brasileiro Felipe Nasr na Fórmula 1 está ameaçada. Na noite desta terça-feira (manhã de quarta-feira na Austrália), o tribunal do estado australiano de Victoria deu ganho de causa ao holandês Giedo van der Garde em processo contra a Sauber por uma vaga no grid de 2015 da Fórmula 1. Com a decisão, o piloto ganha o direito de assumir a vaga de um dos titulares da escuderia suíça - Nasr ou o sueco Marcus Ericsson - na corrida do próximo fim de semana, no circuito de Melbourne, que abre a temporada. A Sauber entrou com recurso, que deve ser julgado ainda nesta quarta-feira.


Por meio de nota oficial, a Sauber lamentou a decisão e disse que não seria seguro colocar um piloto que não testou o novo carro para disputar a corrida. - Estamos desapontados com esta decisão e agora precisa de tempo para entender o que isso significa e o impacto que isso terá sobre o início da nossa temporada. O que não podemos fazer é colocar em risco a segurança de nossa equipe, ou qualquer outro piloto na pista, por ter um piloto despreparado em um carro que foi adaptado para outros dois - afirmou a chefe da Sauber Monisha Kaltenborn no comunicado oficial.

Atuais pilotos da Sauber, Nasr e Ericsson também estiveram no tribunal (Foto: Reprodução/Twitter)



Reserva da Sauber no ano passado, Giedo entrou na justiça contra a equipe afirmando que foi demitido sem justa causa. Segundo o piloto, os antigos chefes chegaram a fazer a oferta de uma vaga em junho de 2014, mas descumpriram o acordo posteriormente. No início de novembro, teria sido informado de que a dupla seria formada por Nasr e Ericsson. O brasileiro assinou um contrato de duas temporadas e levou patrocinadores nacionais para a equipe. Ericsson foi contratado para esta temporada e também levou aporte financeiro.


O piloto holandês já havia conseguido na justiça suíça uma decisão que proibia a Sauber de negar sua vaga para a temporada 2015. Ele acionou então o tribunal de Victoria, que resolveu aplicar a decisão em sua jurisdição. Felipe Nasr e Marcus Ericsson compareceram ao tribunal de Melbourne, em Victoria, na Austrália .

 Na primeira audiência do caso na corte australiana, realizada na última segunda-feira, o advogado da Sauber defendeu que seria imprudente entregar o carro ao holandês, já que ele nunca pilotou o modelo 2015 e correria sérios riscos se o guiasse pela primeira vez em plena etapa do campeonato.


O argumento foi rebatido pela defesa de Giedo, que destacou outros casos na F-1 em que equipes escalaram pilotos em cima da hora, sem conhecimento prévio do carro. Desta forma, seu cliente estaria apto para pilotar na corrida deste fim de semana.

 Após a vitória no tribunal, Giedo afirmou que está preparado fisicamente para pilotar e que espera já conduzir um dos carros da Sauber nos treinos da próxima sexta-feira.


- Estou mais forte que nunca. Venho treinando nos últimos três meses e estou ansioso para voltar à equipe e fazer o melhor neste fim de semana. Eu tinha um relacionamento muito bom com a equipe e continuo tendo - disse o holandês. Além de reserva da Sauber em 2014, Giedo van der Garde, de 29 anos, foi piloto titular da equipe Caterham em 2013, quando terminou a temporada sem marcar pontos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Deixe aqui seu comentário. Obrigado!

TV MOTOR

TV MOTOR

ESPECIAL FAMÍLIA PIQUET - EPISÓDIO 3 - MOTORSPORT.COM BRASIL

PODERÁ GOSTAR TAMBÉM

IMAGEM DA SEMANA - PEDRO PIQUET VIBRA COM PRIMEIRA VITÓRIA NA GP3

IMAGEM DA SEMANA - PEDRO PIQUET VIBRA COM PRIMEIRA VITÓRIA NA GP3
Julho 2018

Pedro Piquet celebrou sua primeira vitória na GP3, obtida na segunda corrida da quarta etapa do campeonato, disputada no circuito de Silverstone no último domingo (8). O piloto liderou um pódio dominado pela equipe Trident após superar o francês Giuliano Alesi na largada e pontear todas as 15 voltas da corrida disputada no interior da Inglaterra. O resultado ainda colocou o brasileiro no top-5 do campeonato, objetivo traçado antes da rodada dupla.


Fonte de pesquisa e reprodução: racingonline


POLÊMICA DA SEMANA - PILOTO DA F-2 É SUSPENSO APÓS "DIA DE FÚRIA" EM SILVERSTONE

POLÊMICA DA SEMANA - PILOTO DA F-2 É SUSPENSO APÓS "DIA DE FÚRIA" EM SILVERSTONE
Julho 2018

Santino Ferrucci, piloto protegido da Haas, recebe gancho de quatro provas após bater no parceiro de equipe e guiar pelo paddock segurando um celular


Piloto júnior da Haas na F1, Santino Ferrucci recebeu quatro corridas de suspensão da F2 após colidir com seu companheiro de equipe Arjun Maini ao fim da etapa de domingo, em Silverstone.


Ferrucci bateu na traseira de seu colega de Trident na volta de retorno aos boxes após a bandeirada.


Pelo incidente, ele recebeu uma multa de 60 mil euros e foi banido das próximas duas rodadas, em Hungaroring e Spa.


Além disso, o americano foi visto guiando sem uma luva entre os paddocks da F2 e F1, o que não é permitido. Nesta mão, ele foi visto segurando um telefone, e, por essas duas infrações, ele recebeu uma multa de 6 mil euros.


Ferrucci também foi visto forçando Maini, que também é protegido da Haas, para fora da pista na curva 4 na prova de domingo, sendo desclassificado da corrida.


A dupla também havia batido na corrida de sábado, sendo que Ferrucci recebeu uma punição por ter forçado Maini para fora da pista.


Gunther Steiner, chefe da equipe Haas na F1, confirmou que investigaria o incidente envolvendo seu pupilo.


“Estou ciente do incidente. Eu o vi na TV quando a corrida estava sendo mostrada. Não percebi, não ouvi o áudio, mas eu estava ciente de que havia problemas”, comentou.


“Eu disse que não vou lidar com isso hoje. Vou lidar durante a semana, então terei mais informações. Estou ciente de que algo aconteceu, mas, no momento, não tenho informações suficientes para comentar.


” Em sua conta no Twitter, a equipe Trident expressou apoio a Maini, acusando Ferrucci de “falta de espírito esportivo e, acima de tudo, com um comportamento não civilizado” por parte do piloto e de seu pai. Além disso, o time também disse que seus advogados lidarão com as implicações contratuais do ocorrido.


Fonte de pesquisa e reprodução: motorsport.com


GP COMPLETO

GP COMPLETO

VÍDEOS INTERESSANTES, EDIÇÃO Nº 26 - ENTREVISTA COM FELIPE MASSA, NA "MURETA COM RUBITO"

GP INGLATERRA 2005

CINEMA NO BLOG

CINEMA NO BLOG

EM CARTAZ

EM CARTAZ

SALVEM-SE QUEM PUDER - RALLY DA JUVENTUDE

BLOG NA TV - APAIXONADO POR F-1

BLOG NA TV - APAIXONADO POR F-1
GP Road America, F-Indy 2018

PROMOÇÕES/ CONCURSOS/ DINÂMICAS

SÉRGIO JIMENEZ - PILOTO STOCK CAR, VAI SORTEAR UM PAR DE ÓCULOS PARA OS FÃS QUE O ESCOLHEREM NO HER

SÉRGIO JIMENEZ - PILOTO STOCK CAR, VAI SORTEAR UM PAR DE ÓCULOS PARA OS FÃS QUE O ESCOLHEREM NO HER
Clique na imagem e saiba como participar.

MUNDIAL PILOTOS F1 2018

MUNDIAL  PILOTOS F1 2018

CLASSIFICAÇÃO APÓS GP INGLATERRA


1º Vettel, 171






2º Hamilton, 163





3º Raikkonen, 116



4º Ricciardo, 106



5º Bottas, 104
6º Verstappen, 104





7º Hulkenberg, 42





8ºAlonso, 40



9° Magnussen, 39



10º Sainz, 28



11º Ocon, 25





12º Perez, 24





13° Gasly, 18





14º Leclerc, 13





15º Grosjean, 12




16º Vandoorne, 8






17º Stroll, 4







18º Ericsson, 3





19º Brendon, 1



20º Sirotkin, 0






MUNDIAL CONSTRUTORES F1 2018

MUNDIAL CONSTRUTORES F1 2018
Classificação após GP Inglaterra



1º Ferrari: 287 pontos





2º Mercedes: 267





3º Red Bull- Tag Heuer: 199

















4º Renault: 70




5º Hass-Ferrari: 51





6º Force India-Mercedes: 49







7º McLaren-Renault : 48













8º Scuderia Toro Rosso-Honda: 19




9º Sauber-Ferrari: 16











10° Williams-Mercedes: 4