sábado, 14 de fevereiro de 2015

EM QUARTA TEMPORADA NO DTM, AUGUSTO FARFUS SEGUE NO TEAM RBM E TERÁ NOVO PARCEIRO DE EQUIPE EM 2015

 



Nesta sexta-feira, em Munique, a BMW Motorsport anunciou o line-up de pilotos que defenderá a montadora bávara na temporada 2015 do DTM. Único brasileiro do grid, Augusto Farfus terá o estreante britânico Tom Blomqvist como seu novo companheiro de equipe.


Piloto oficial da BMW Motorsport desde os tempos de WTCC, Augusto Farfus disputará em 2015 sua quarta temporada no DTM. Vice-campeão em 2013 e único brasileiro no grid da categoria, uma das principais do automobilismo mundial, o curitibano de 31 anos seguirá defendendo as cores do Team RBM, escuderia belga chefiada por Bart Mampaey. Neste ano, Farfus terá como companheiro de equipe o jovem britânico Tom Blomqvist, de 21 anos, que fará sua estreia no DTM. O anúncio foi realizado nesta sexta-feira (6 de fevereiro) em comunicado publicado pela BMW Motorsport em Munique, Alemanha.


Desde que retornou ao DTM, em 2012, a BMW vem colecionando conquistas e títulos na categoria. A montadora bávara foi campeã do certame de pilotos daquele ano com o canadense Bruno Spengler, foi vice com Farfus em 2013 e faturou novamente a taça com o alemão Marco Wittmann no ano passado. E tanto em 2012 como em 2013, a BMW foi campeã dos construtores.

 Augusto tem um histórico bastante respeitável na categoria. Em três temporadas, o curitibano disputou 27 corridas, venceu quatro provas e faturou por três vezes a pole-position. No seu ano de estreia, Farfus teve como companheiro de equipe o britânico Andy Priaulx, enquanto em 2013 e 2014 dividiu os boxes do Team RBM com o norte-americano Joey Hand. Em 2015, depois de faturar o segundo lugar nas 24 Horas de Daytona na classe GT Le Mans, o brasileiro servirá como referência para o novato Tom Blomqvist, destaque nos treinos com a BMW M4 DTM em dezembro do ano passado.

 Além do Team RBM, a BMW Motorsport também definiu as duplas das suas outras três equipes do DTM: o campeão Marco Wittmann representará o Team RMG ao lado de Maxime Martin, Martin Tomczyk e António Félix da Costa defenderão o Team Schnitzer, enquanto Bruno Spengler e Timo Glock vão disputar a temporada 2015 pelo Team MTEK.

 Nos últimos dias, Farfus esteve no Circuito das Américas, em Austin, nos Estados Unidos, no evento de lançamento da BMW X6 M. Nas próximas semanas, o foco estará voltado aos preparativos para a temporada 2015 do DTM. A abertura do campeonato, que terá como grande novidade a introdução do sistema de rodadas duplas, terá início em 2 de maio, no circuito de Hockenheim.




 Augusto Farfus:

"Fico muito feliz por permanecer no Team RBM pelo simples fato de dar continuidade ao trabalho que temos desempenhado nos últimos três anos no DTM. É uma equipe com DNA vencedor, já vencemos muitas corridas juntos, e fico feliz em poder dar sequência à nossa jornada. Temos um projeto muito bom para esta temporada, e para que este projeto seja vitorioso é muito importante continuar com os mesmos mecânicos e engenheiros. Dou as boas-vindas ao Tom Blomqvist, meu novo companheiro de equipe, um jovem talento que foi muito bem nos treinos e será uma boa referência para o time. Acredito que vamos fazer um bom trabalho juntos."

 Bart Mampaey, chefe de equipe do Team RBM:

 "Augusto Farfus acumulou muita experiência no DTM ao longo dos últimos três anos e já mostrou que é capaz de vencer corridas e se colocar na luta pelo título. Quanto a Tom Blomqvist, damos as boas-vindas a um rápido e jovem piloto, que tem tudo o que é necessário para acertar no DTM. Estou muito ansioso para trabalhar com estes dois pilotos em 2015."

 Jens Marquardt, diretor da BMW Motorsport:

 "Vamos para a nova temporada com um forte line-up de pilotos e equipes. Este é o melhor conjunto que poderia almejar. No total, nossos pilotos têm 334 corridas e 31 vitórias no DTM. Temos um bom mix de pilotos jovens e experientes, e todos têm condições de deixar sua marca na categoria. Mantemo-nos fieis à nossa filosofia de que só podemos alcançar o sucesso a longo prazo no DTM com quatro equipes de igual força. Tivemos experiências positivas com esta abordagem no passado. Estamos confiantes de que encontramos o line-up ideal para a temporada 2015, na qual teremos de enfrentar uma série de novos desafios com o novo formato de rodadas duplas no fim de semana."

Fonte: Informativo Augusto Farfus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Deixe aqui seu comentário. Obrigado!

TV MOTOR

TV MOTOR

HELIO CASTRONEVES 20 ANOS DE F-INDY

PODERÁ GOSTAR TAMBÉM

IMAGEM/VÍDEO DA SEMANA - TUKA ROCHA E RODRIGO DANTAS SE AGRIDEM DURANTE AS 500 MILHAS GRANJA VIANA

É com imenso repudio e tristeza que exibimos a cena lamentável de pura violência na prova tradicional de kart que ocorre todo final de ano onde o grande barato da coisa é reunir pilotos de varias categorias em um evento de longa duração. As 500 Milhas da Granja Viana,que ocorreu no último sábado (16) teve a vitória do time do Barrichello, mas os brigões Tuka Rocha (equipe Sambaíba) e Douglas Dantas ( equipe MDG Matrix) foram o centro das atenções.


ENTENDA COMO TUDO ACONTECEU


Antes, no encerramento da 11ª hora, Rodrigo Soares, da Sambaíba, acertou o kart de Felipe Massa, então líder da prova. A partir de então, os pilotos dos dois times passaram a se estranhar na pista, culminando com o incidente entre Dantas e Rocha, quando restavam 19 voltas para o final da corrida. A direção de prova desclassificou os dois times envolvidos na confusão das 500 Milhas de Kart Granja Viana.

POLÊMICA DA SEMANA - MARCHIONNE SE QUEIXA DE APRESENTAÇÃO DE PILOTOS NOS EUA

A vaga de Felipe Massa na Williams segue sem dono e a situação na Williams está completamente indefinida por questões que vão bem além das pistas. A mídia russa chegou a veicular que o anúncio de seu piloto, Sergey Sirotkin, seria feito na última sexta-feira. Mas a única informação dada pelo time inglês foi de que uma decisão só seria anunciada em janeiro.


Os problemas dos apoiadores de Sirotkin vêm de sanções adotadas após a anexação do território da Crimeia pela Rússia, no início de 2014. O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos aplicou uma série de punições que atingiram os dois principais acionistas do banco SMP, Arkady e Boris Rotenberg. Isso ocorreu devido às relações próximas dos banqueiros com Vladimir Putin além de acusações de lavagem de dinheiro, por parte das autoridades norte-americanas, relacionadas às negociações durante a construção do parque olímpico de Sochi, onde é realizado o GP da Rússia de F-1.


Fonte de pesquisa e reprodução: esporte.uol.com.br

VÍDEOS INTERESSANTES, EDIÇÃO Nº 25 - FABRICAÇÃO DE UM F-1

GP COMPLETO

GP COMPLETO

GP INGLATERRA 2005

CINEMA NO BLOG

CINEMA NO BLOG

EM CARTAZ

EM CARTAZ

O CORREDOR FANTASMA

CARINHA DO BLOG (TRISTE)

CARINHA DO BLOG (TRISTE)

O número 13 parece não dá sorte mesmo, pois bem, foi o que aconteceu com o Oreca nº 13 da Rebellion Racing, pilotado por Nelsinho Piquet, Mathias Beche e David Heinemeier-Hansson, eles tinham conquistado o segundo lugar da classe LMP2 e o terceiro posto geral.


Mas a equipe teve que fazer um reparo no motor de arranque e por isso abriram um buraco no carro ao qual danificou uma das homologações, ferindo assim o regulamento. E daí a punição. lamentável!!!