sexta-feira, 2 de abril de 2010

AYRTON SENNA IN MÉMORIA

Oi meus amigos (as)!

O NASCIMENTO

O dia 21 de Março de 1960, na tradicional maternidade Pro Matre, na Bela Vista, região central da cidade de São Paulo, se tornou uma data muito especial, data esta na qual nascia um garoto com o nome de Ayrton Senna da Silva. Nos seus primeiros anos de vida, Ayrton não dava sinais de que se tornaria um fênomeno nas pistas, muito pelo contrário, segundo sua mãe, Dona Neide e a irmã mais velha, Viviane, ele era um garoto agitado, desastrado e que só vivia se machucando e levando batidas na cabeça, ao ponto de se formar galos.


A PRIMEIRA EXPERIÊNCIA

Sua primeira experiência com carros de corridas, foi aos quatro ano de idade, onde andou de kart. Seu Milton, pai de Ayrton, não tinha pretensões de que ele se tornasse um piloto, "o brinquedo" foi construído para Senna extravassar seu modo agitado de ser. A construção levou seis meses para estar concluída, tinha motor de picadeira de cana e velocidade de até 60 quilômetros.Detalhe: o pai de Ayrton foi o construtor do kart.


O CAPACETE

Talvez poucas pessoas saibam mas as cores do capacete de Ayrton, não foram ideias suas.Foi algo obrigatória no final da década de 70, quando os organizadores do Mundial de Kart, determinaram que os pilotos usassem capacetes com com as cores das respectivas bandeiras nacionais. Verde, amarelo e azul, essas cores marcam o capacete do Senna. Antes dessa obrigatoriedade, o capacete do Senna era nas cores vermelho e branco.


O CASAMENTO COM LILIAN DE VASCONCELLOS

No final da década de 1980, Ayrton já disputava o Campeonato Inglês de Fórmula Ford 1600 e se sentindo muito sozinho, viu a necessidade de uma companhia. Foi então que numa das viagens de volta ao Brasil, "deu de cara" com uma loira super atraente, quando dava uns "róle" pela rua Augusta. Era Lilian de Vasconcellos. Durante o namoro Senna propôs casamento e Lilian aceitou.

O MITO

Nos tempos de F-1, Senna conquistou o mundo, uniu vários povos em um só único refrão: Senna, Senna. Ayrton representava a garra, a determinação, o desejo de sempre buscar mais e mais. Não se contentava em ser, ou, estar em segundo, para ele era o primeiro lugar ou nada. Se tinha deficiências em sua maneira de guiar, fazia o possível e o impossível para suprir a deficiência.


Correr estava em seu sangue, era sua vida e era o que sabia melhor de fazer. Automobilismo estava em primeiro lugar, buscava sempre a perfeição e não admitia erros. Se ganhava uma prova não espere que ele vá para casa, tomar uma ducha e relaxar. Não... não...não... Ele analisava a prova por completo queria saber detalhe por detalhe de tudo que aconteceu, era um perfeccionista.


O ESTILO

Seu estilo arrojado e incomodava algumas pessoas, fora muitas vezes tachado de irresponsável pelos seus concorrentes direto nas pistas. Mas para ele isso pouco importava, em sua consciência não fizera nada de mais e se os outros estavam se incomodando... problema deles. Assim Ayrton, foi construindo seu espaço dentro do mundo agressivo e as vezes incompreensível da Fórmula 1, onde sobreviver era uma regra básica.




SUA IMAGEM PERANTE AOS BRASILEIROS


Para nós telespectadores, principalmente, brasileiros, acordar às 08:00 horas de domingo para acompanhar a corrida durante duas horas de transmissão não era nenhum tipo de sacrifício. Não importava se durante a semana, trabalhava-se duro, não importava se tinha uma festa no sábado e tivesse chegado em casa às 05:00 h.

Assistir uma prova de F-1, era motivo para reunir os amigos, os familiares, comprar aquela cervejinha, fazer aquele tira-gosto, tudo era motivo de festa. E se Senna vencesse, aí meu amigo era aquela imensa alegria, onde muitas vezes a comemoração se estendia até tarde.Era um desfilar de bandeirinhas nos carros, nos ônibus, todos querendo demonstrar a satisfação em ver seu ídolo no lugar mais alto do pódio.


A marca registrada de Ayrton Senna era seu olhar penetrador, seu olhar de fera pronto para sair da jaula e ir em busca do prato principal : a vitória. E era isso que ele representava para nós brasileiros, ser vitorioso na vida e não se acomodar ou desistir dos obstáculos que a vida nos oferecer. Superar e buscar eis palavras que com certeza faziam parte do vocabulário do melhor piloto de todos os tempos, AYRTON SENNA DA SILVA


OBS (1): Em comemoração ao Cinquentenário do Ayrton, estamos promovendo algumas enquetes. Elas estão distribuídas ao longo do blog. Participem!!!


OBS: (2) Simulação de Ayrton Senna com 50 anos de idade.

FIQUEM NA PAZ, BOM FERIADO, E ATÉ O NOSSO PRÓXIMO PIT-STOP!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Deixe aqui seu comentário. Obrigado!

TV MOTOR

TV MOTOR

ESPECIAL FAMÍLIA PIQUET - EPISÓDIO 3 - MOTORSPORT.COM BRASIL

PODERÁ GOSTAR TAMBÉM

IMAGEM DA SEMANA - PEDRO PIQUET VIBRA COM PRIMEIRA VITÓRIA NA GP3

IMAGEM DA SEMANA - PEDRO PIQUET VIBRA COM PRIMEIRA VITÓRIA NA GP3
Julho 2018

Pedro Piquet celebrou sua primeira vitória na GP3, obtida na segunda corrida da quarta etapa do campeonato, disputada no circuito de Silverstone no último domingo (8). O piloto liderou um pódio dominado pela equipe Trident após superar o francês Giuliano Alesi na largada e pontear todas as 15 voltas da corrida disputada no interior da Inglaterra. O resultado ainda colocou o brasileiro no top-5 do campeonato, objetivo traçado antes da rodada dupla.


Fonte de pesquisa e reprodução: racingonline


POLÊMICA DA SEMANA - PILOTO DA F-2 É SUSPENSO APÓS "DIA DE FÚRIA" EM SILVERSTONE

POLÊMICA DA SEMANA - PILOTO DA F-2 É SUSPENSO APÓS "DIA DE FÚRIA" EM SILVERSTONE
Julho 2018

Santino Ferrucci, piloto protegido da Haas, recebe gancho de quatro provas após bater no parceiro de equipe e guiar pelo paddock segurando um celular


Piloto júnior da Haas na F1, Santino Ferrucci recebeu quatro corridas de suspensão da F2 após colidir com seu companheiro de equipe Arjun Maini ao fim da etapa de domingo, em Silverstone.


Ferrucci bateu na traseira de seu colega de Trident na volta de retorno aos boxes após a bandeirada.


Pelo incidente, ele recebeu uma multa de 60 mil euros e foi banido das próximas duas rodadas, em Hungaroring e Spa.


Além disso, o americano foi visto guiando sem uma luva entre os paddocks da F2 e F1, o que não é permitido. Nesta mão, ele foi visto segurando um telefone, e, por essas duas infrações, ele recebeu uma multa de 6 mil euros.


Ferrucci também foi visto forçando Maini, que também é protegido da Haas, para fora da pista na curva 4 na prova de domingo, sendo desclassificado da corrida.


A dupla também havia batido na corrida de sábado, sendo que Ferrucci recebeu uma punição por ter forçado Maini para fora da pista.


Gunther Steiner, chefe da equipe Haas na F1, confirmou que investigaria o incidente envolvendo seu pupilo.


“Estou ciente do incidente. Eu o vi na TV quando a corrida estava sendo mostrada. Não percebi, não ouvi o áudio, mas eu estava ciente de que havia problemas”, comentou.


“Eu disse que não vou lidar com isso hoje. Vou lidar durante a semana, então terei mais informações. Estou ciente de que algo aconteceu, mas, no momento, não tenho informações suficientes para comentar.


” Em sua conta no Twitter, a equipe Trident expressou apoio a Maini, acusando Ferrucci de “falta de espírito esportivo e, acima de tudo, com um comportamento não civilizado” por parte do piloto e de seu pai. Além disso, o time também disse que seus advogados lidarão com as implicações contratuais do ocorrido.


Fonte de pesquisa e reprodução: motorsport.com


GP COMPLETO

GP COMPLETO

VÍDEOS INTERESSANTES, EDIÇÃO Nº 26 - ENTREVISTA COM FELIPE MASSA, NA "MURETA COM RUBITO"

GP INGLATERRA 2005

CINEMA NO BLOG

CINEMA NO BLOG

EM CARTAZ

EM CARTAZ

SALVEM-SE QUEM PUDER - RALLY DA JUVENTUDE

BLOG NA TV - APAIXONADO POR F-1

BLOG NA TV - APAIXONADO POR F-1
GP Road America, F-Indy 2018

PROMOÇÕES/ CONCURSOS/ DINÂMICAS

SÉRGIO JIMENEZ - PILOTO STOCK CAR, VAI SORTEAR UM PAR DE ÓCULOS PARA OS FÃS QUE O ESCOLHEREM NO HER

SÉRGIO JIMENEZ - PILOTO STOCK CAR, VAI SORTEAR UM PAR DE ÓCULOS PARA OS FÃS QUE O ESCOLHEREM NO HER
Clique na imagem e saiba como participar.

MUNDIAL PILOTOS F1 2018

MUNDIAL  PILOTOS F1 2018

CLASSIFICAÇÃO APÓS GP INGLATERRA


1º Vettel, 171






2º Hamilton, 163





3º Raikkonen, 116



4º Ricciardo, 106



5º Bottas, 104
6º Verstappen, 104





7º Hulkenberg, 42





8ºAlonso, 40



9° Magnussen, 39



10º Sainz, 28



11º Ocon, 25





12º Perez, 24





13° Gasly, 18





14º Leclerc, 13





15º Grosjean, 12




16º Vandoorne, 8






17º Stroll, 4







18º Ericsson, 3





19º Brendon, 1



20º Sirotkin, 0






MUNDIAL CONSTRUTORES F1 2018

MUNDIAL CONSTRUTORES F1 2018
Classificação após GP Inglaterra



1º Ferrari: 287 pontos





2º Mercedes: 267





3º Red Bull- Tag Heuer: 199

















4º Renault: 70




5º Hass-Ferrari: 51





6º Force India-Mercedes: 49







7º McLaren-Renault : 48













8º Scuderia Toro Rosso-Honda: 19




9º Sauber-Ferrari: 16











10° Williams-Mercedes: 4