sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

RALI DAKAR


Oi turma da velocidade!


Quando se fala em rali a primeira coisa que vem em mente são carros preparados para enfrentar todo tipo de terreno, seja terra, cascalho ou neve. E com a modalidade do Rali Dakar ou Rala Paris Dakar como queiram alguns não fogem a regra.


A competição do Rali Dakar teve ínicio primeiramente em 1978 mais especificamente em 26/12/1978(eu só tinha apenas um ano de vida) e seu idealizador atende pelo nome de Thyerri Sabine tudo começou quando o mesmo participava do rali- Abdin Nace- onde o mesmo teria se perdido no deserto a bordo de sua moto.


A competição tem sempre seu ínicio na primeira semana do ano e geralmente a prova tem duração de 15 dias. Inicialmente a prova cumpria o trecho que se iniciava em Paris (França) e terminava em Dakar (Senegal), mas ao longo desses 30 anos algumas mudanças ocorreram, devido a patrocínios, acordos comercias como também a segurança para pilotos e organizadores. Por exemplo, em 2008 não houve edição devido ao assassinato de quatro turistas franceses nos arredores da Mauritânia (África) como também ameaças do grupo terrorista AlQaeda.


Em 2009 a competição iniciou oficialmente no dia 03 de janeiro e finalizou no dia 17 do mês corrente. O roteiro deste ano é pela América do Sul (Argentina e Chile). Foram inscritos 217 motos, 177 carros, 81 caminhões e 25 quadriciclos. A competição registrou uma baixa fatal, o piloto de motos Pascal Terry de 49 anos foi encontrado morto no trecho entre as cidades de Santa Rosa e Porto Madryn na Argentina. Seu corpo estava a quinze metros de seu veículo. Tudo indica que ele tenha ficado sem gasolina e teria enviado socorro aos organizadores e os mesmos demoraram a chegar ao local. As investigações continuam para saber realmente o que aconteceu.
Após 9574 km percorridos e 14 etapas o vencedor do título na categoria caminhões foi o russo Firdaus Kabirov, o brasileiro veterano André Azevedo terminou na classificação geral em 6º lugar. Na categoria motos o espanhol Marc Coma assegurou o bi campeonato. O brasileiro Zé Hélio que participou pela primeira vez no Dakar finalizou o rali numa boa 12º colocação. Mesmo com experiência em outras competições (tetra campeão) no rali dos sertões o brasileiro ficou no total a 4h54min57s do campeão espanhol Comas.


Na categoria carros o sul africano Giniel de Villiers conquistou o título a bordo de seu Volkswagen quebrando a hegemonia da Mitsubishi. No quadriciclo quem levou a melhor foi o theco Josef Machacek com seu veículo de fabricação da Yamaha.


O francês Franc Maudet representante da organização citou a possibilidade de trazer uma etapa para o Brasil provavelmente em 2011 “São só planos por enquanto. O importante é que o evento se firme na América do Sul, como neste ano”.


OUTRAS NOTÍCIAS


Algumas mudanças foram implantadas na f-1 para este ano. Os carros terão que atender as novas regras impostas pela FIA. Por exemplo: O banimento dos pneus com sulcos e o retorno dos slicks, que foram usados até 1997. Outra mudança diz relação às asas dianteiras e traseiras, onde os dianteiros estão bem largos e os traseiros bem estreitos. A terceira mudança o público não perceberá a olho nu é a adoção do KERS um conjunto de engrenagens que terá a função de reaproveitar a energia gerada nas freadas e converte-las em potência, ou seja, vai gerar um acréscimo de 80 CV.


Partindo do príncipio que um motor de F-1 gera em torno de 850 CV mais os 80 do KERS da uma somatória de 930 CV haja “braço” para segurar a barata (risos). O piloto acionará esse dispositivo através de um botão no volante. Com esse pacote espera-se conseguir mais ultrapassagens na pista, o que resultaria em mais emoção e atrativos para os grandes prêmios. O equipamento em 2009 é opcional, mas a partir de 2010 o uso será obrigatório.


Segundo a imprensa inglesa a equipe Renault F-1 poderá deixar a categoria a partir de 2010, caso a crise mundial econômica não dê sinal de melhoras, o emprego dos mais de 100 trabalhadores na sede da equipe em Oxfordshire (Inglaterra) estaria ameaçado.


O chefão da f-1 Bernie Eclestone sugeriu que as equipes com mais recursos colocassem mais um carro no grid o que totalizaria três. Tudo isso por causa da lacuna que a Honda deixou ao abandonar a categoria. Segundo alguns conhecedores das clausulas que regem o circo, o exigido é que se tenha no mínimo 20 carros no grid. Bernie Eclestone nega informação. Atualmente o grid é composto por 18 carros. Até o presente momento não foi apresentado oficialmente nenhum comprador para a Honda.
FORMULA INDY

Já está definido o calendário 2009 da F-Indy serão 17 provas e o campeonato inicia no dia 05 de abril em St.Petesburg. O brasileiro Hélio Castro Neves que correu na Penske em 2008, será substituído por Will Power até que o brasileiro resolva suas pendências com os tribunais norte-americanos. Hélio está sendo acusado de sonegar imposto.
STOCK CAR

Estão confirmados os testes coletivos para a nova temporada da Stock Car. Serão nos dias 17 e 18 de fevereiro no autódromo de Interlagos - São Paulo.


A turma de Salvador que se prepare, pois a Stock Car terá umas das etapas na capital baiana, provavelmente no dia 05 de Julho. Detalhe: Meu aniversário é dia 01/07, que presentão hem!!!


Até a próxima pessoal!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Deixe aqui seu comentário. Obrigado!

TV MOTOR

TV MOTOR

ULTIMAS VOLTAS GP BRASIL 2006

PODERÁ GOSTAR TAMBÉM

IMAGEM DA SEMANA - HAMILTON CELEBRA TETRACAMPEONATO: "NÃO PARECE REAL"

Lewis Hamilton não precisava de um grande resultado para conquistar o quarto título mundial de Fórmula 1 de sua carreira. Porém, o inglês, que precisava apenas de um quinto lugar para definir o título, viu o Grande Prêmio do México, disputado neste domingo (29) virar um drama após ter um pneu furado e cair para a última posição. Sebastian Vettel, porém, não conseguiu brigar pela vitória, e o piloto da Mercedes conquistou o título com o nono lugar.


Fonte de pesquisa e reprodução: Racingonline


POLÊMICA DA SEMANA - COM CRESCENTE DE RED BULL E MCLAREN, FERRARI CAMINHA PARA "CRISE"

A Ferrari está “caminhando para uma crise” que tradicionalmente é “difícil de sair”.


Essa é a visão do ex-engenheiro da Ferrari, Toni Cuquerella, ao avaliar o recente fracasso de Sebastian Vettel em desafiar o título de 2017.


“A Ferrari foi muito mais competitiva do que nos anos anteriores”, escreveu o ‘El Paris’. “A Ferrari teve um carro melhor do que Mercedes em cinco dos 18 Grandes Prêmios”, acrescentou Cuquerella.


“Foi um bom ano e eles deveriam estar felizes. Mas, como sempre, na Ferrari, duas corridas com resultados ruins significam o início de uma crise.


“E a Mercedes soube se aproveitar muito bem disso”, disse ele.


Cuquerella acredita que o desafio da Ferrari agora é “escapar da crise” por trás disso e sair com um pacote forte desde o começo de 2018.


No entanto, “a Ferrari luta para sair de suas crises”, disse o espanhol. “Enquanto isso, outros como Red Bull e McLaren podem chegar a esse nível no próximo ano.


“Este ano, a equipe mais rápida e o piloto mais rápido ganharam, mas a tendência indica que esse domínio não necessariamente continuará.


“O próximo título pode ser conquistado por uma equipe que não obrigatoriamente tenha o melhor carro”, finalizou.


Fonte de pesquisa e reprodução: f1mania.com.br

VÍDEOS INTERESSANTES, EDIÇÃO Nº 25 - FABRICAÇÃO DE UM F-1

GP COMPLETO

GP COMPLETO

GP MALÁSIA 2004

O nosso quadro GP Completo, edição nº 7 traz o GP da Malásia de 2004 (segunda prova da temporada), já que estamos em um final de semana de corrida de F-1 (GP Malásia) e não por acaso, que escolhi a Malásia para esta edição.Um grid cheio com bastante carros e pilotos, interessante dizer que em 2004 tínhamos três pilotos brasileiros : Barrichello (Ferrari), Cristiano da Matta (Toyota), Felipe Massa (Sauber).

CINEMA NO BLOG

CINEMA NO BLOG

EM CARTAZ

EM CARTAZ

ECURRALADO

CARINHA DO BLOG (TRISTE)

CARINHA DO BLOG (TRISTE)

O número 13 parece não dá sorte mesmo, pois bem, foi o que aconteceu com o Oreca nº 13 da Rebellion Racing, pilotado por Nelsinho Piquet, Mathias Beche e David Heinemeier-Hansson, eles tinham conquistado o segundo lugar da classe LMP2 e o terceiro posto geral.


Mas a equipe teve que fazer um reparo no motor de arranque e por isso abriram um buraco no carro ao qual danificou uma das homologações, ferindo assim o regulamento. E daí a punição. lamentável!!!

DEDICATÓRIAS

DEDICATÓRIAS
Poster autografado (por Nelson Piquet) para o blogueiro Claudio Heliano

'

'
Poster autografado (por Nigel Mansell) par ao blogueiro Claudio Heliano

'

'
Autografada por Luiz Razia