sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

RALI DAKAR


Oi turma da velocidade!


Quando se fala em rali a primeira coisa que vem em mente são carros preparados para enfrentar todo tipo de terreno, seja terra, cascalho ou neve. E com a modalidade do Rali Dakar ou Rala Paris Dakar como queiram alguns não fogem a regra.


A competição do Rali Dakar teve ínicio primeiramente em 1978 mais especificamente em 26/12/1978(eu só tinha apenas um ano de vida) e seu idealizador atende pelo nome de Thyerri Sabine tudo começou quando o mesmo participava do rali- Abdin Nace- onde o mesmo teria se perdido no deserto a bordo de sua moto.


A competição tem sempre seu ínicio na primeira semana do ano e geralmente a prova tem duração de 15 dias. Inicialmente a prova cumpria o trecho que se iniciava em Paris (França) e terminava em Dakar (Senegal), mas ao longo desses 30 anos algumas mudanças ocorreram, devido a patrocínios, acordos comercias como também a segurança para pilotos e organizadores. Por exemplo, em 2008 não houve edição devido ao assassinato de quatro turistas franceses nos arredores da Mauritânia (África) como também ameaças do grupo terrorista AlQaeda.


Em 2009 a competição iniciou oficialmente no dia 03 de janeiro e finalizou no dia 17 do mês corrente. O roteiro deste ano é pela América do Sul (Argentina e Chile). Foram inscritos 217 motos, 177 carros, 81 caminhões e 25 quadriciclos. A competição registrou uma baixa fatal, o piloto de motos Pascal Terry de 49 anos foi encontrado morto no trecho entre as cidades de Santa Rosa e Porto Madryn na Argentina. Seu corpo estava a quinze metros de seu veículo. Tudo indica que ele tenha ficado sem gasolina e teria enviado socorro aos organizadores e os mesmos demoraram a chegar ao local. As investigações continuam para saber realmente o que aconteceu.
Após 9574 km percorridos e 14 etapas o vencedor do título na categoria caminhões foi o russo Firdaus Kabirov, o brasileiro veterano André Azevedo terminou na classificação geral em 6º lugar. Na categoria motos o espanhol Marc Coma assegurou o bi campeonato. O brasileiro Zé Hélio que participou pela primeira vez no Dakar finalizou o rali numa boa 12º colocação. Mesmo com experiência em outras competições (tetra campeão) no rali dos sertões o brasileiro ficou no total a 4h54min57s do campeão espanhol Comas.


Na categoria carros o sul africano Giniel de Villiers conquistou o título a bordo de seu Volkswagen quebrando a hegemonia da Mitsubishi. No quadriciclo quem levou a melhor foi o theco Josef Machacek com seu veículo de fabricação da Yamaha.


O francês Franc Maudet representante da organização citou a possibilidade de trazer uma etapa para o Brasil provavelmente em 2011 “São só planos por enquanto. O importante é que o evento se firme na América do Sul, como neste ano”.


OUTRAS NOTÍCIAS


Algumas mudanças foram implantadas na f-1 para este ano. Os carros terão que atender as novas regras impostas pela FIA. Por exemplo: O banimento dos pneus com sulcos e o retorno dos slicks, que foram usados até 1997. Outra mudança diz relação às asas dianteiras e traseiras, onde os dianteiros estão bem largos e os traseiros bem estreitos. A terceira mudança o público não perceberá a olho nu é a adoção do KERS um conjunto de engrenagens que terá a função de reaproveitar a energia gerada nas freadas e converte-las em potência, ou seja, vai gerar um acréscimo de 80 CV.


Partindo do príncipio que um motor de F-1 gera em torno de 850 CV mais os 80 do KERS da uma somatória de 930 CV haja “braço” para segurar a barata (risos). O piloto acionará esse dispositivo através de um botão no volante. Com esse pacote espera-se conseguir mais ultrapassagens na pista, o que resultaria em mais emoção e atrativos para os grandes prêmios. O equipamento em 2009 é opcional, mas a partir de 2010 o uso será obrigatório.


Segundo a imprensa inglesa a equipe Renault F-1 poderá deixar a categoria a partir de 2010, caso a crise mundial econômica não dê sinal de melhoras, o emprego dos mais de 100 trabalhadores na sede da equipe em Oxfordshire (Inglaterra) estaria ameaçado.


O chefão da f-1 Bernie Eclestone sugeriu que as equipes com mais recursos colocassem mais um carro no grid o que totalizaria três. Tudo isso por causa da lacuna que a Honda deixou ao abandonar a categoria. Segundo alguns conhecedores das clausulas que regem o circo, o exigido é que se tenha no mínimo 20 carros no grid. Bernie Eclestone nega informação. Atualmente o grid é composto por 18 carros. Até o presente momento não foi apresentado oficialmente nenhum comprador para a Honda.
FORMULA INDY

Já está definido o calendário 2009 da F-Indy serão 17 provas e o campeonato inicia no dia 05 de abril em St.Petesburg. O brasileiro Hélio Castro Neves que correu na Penske em 2008, será substituído por Will Power até que o brasileiro resolva suas pendências com os tribunais norte-americanos. Hélio está sendo acusado de sonegar imposto.
STOCK CAR

Estão confirmados os testes coletivos para a nova temporada da Stock Car. Serão nos dias 17 e 18 de fevereiro no autódromo de Interlagos - São Paulo.


A turma de Salvador que se prepare, pois a Stock Car terá umas das etapas na capital baiana, provavelmente no dia 05 de Julho. Detalhe: Meu aniversário é dia 01/07, que presentão hem!!!


Até a próxima pessoal!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Deixe aqui seu comentário. Obrigado!

TV MOTOR

TV MOTOR

HELIO CASTRONEVES 20 ANOS DE F-INDY

PODERÁ GOSTAR TAMBÉM

IMAGEM DA SEMANA - APÓS ALTA, BARRICHELLO TEM SURPRESA DOS FILHOS EM CASA

Campeão da Stock Car e duas vezes vice da F1 deixou o hospital depois de ter sofrido princípio de AVC no fim de janeiro


Rubens Barrichello deixou o hospital depois de ter sofrido um problema de saúde na última semana e se deparou com uma surpresa de seus filhos ao chegar em casa.


O piloto, duas vezes vice-campeão da F1 e dono do título de 2014 da Stock Car, foi internado no dia 27 de janeiro depois de sentir dores de cabeça em casa.


Fontes ouvidas pelo Motorsport.com Brasil contaram que Barrichello teve um princípio de AVC (Acidente Vascular Cerebral) e chegou a passar pela UTI (Unidade de Terapia Intensiva).



Rubinho recebeu alta na última quarta-feira (7) e teve uma mensagem de boas-vindas da família em casa.


“Bem-vindo de volta, papai. Esta mensagem estava na garagem. Chorei muito abraçado a eles, na certeza de que nosso medo só nos aproximou, só fortaleceu. Amo muito vocês”, escreveu o piloto, de 45 anos.


Seu pai, Rubão, também se manifestou no Instagram. “Graças a Deus e a todas as orações de vocês, queridos amigos, nosso campeão voltou para casa. Ainda tem uns dias de recuperação, mas está ótimo. Obrigado a todos. Te amo, filho”, postou.


Fonte de pesquisa e reprodução: motorsport.com


POLÊMICA DA SEMANA - PROVAS PIRATAS PREOCUPAM PRESIDENTE DA FEDERAÇÃO PARANANENSE DE AUTOMOBILISMO

Presidente da FPrA publica resolução para esclarecer as necessidades legais para a realização de um evento


As provas piratas são motivos de preocupação para Rubens Gatti, presidente da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA). Provas piratas são competições realizadas sem autorização da entidade, portanto, sem normas técnicas. Tais regras têm a finalidade de garantir as normas desportivas, técnicas e de segurança ao público e a terceiros.


No ano passado, provas não oficiais trouxeram grandes transtornos à FPrA. Pilotos que participaram de competições piratas e que tiveram algum tipo de descontentamento fizeram reclamações direto à Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), gerando uma situação delicada entre as duas entidades, e obrigando a FPrA a fazer esclarecimentos à CBA.


Gatti explica que um alvará só é expedido pela FPrA quando o promotor do evento cumpre com todos os encargos exigidos. Ele deve ser solicitado 30 dias antes da data prevista para o evento. Os técnicos da entidade estabelecem as condições de segurança, sempre buscando preservar a integridade física de participantes, do público e de terceiros. Estas exigências vão desde o equipamento do participantes a normas de evacuação do local caso venha a ocorrer algum imprevisto.


“Em um evento automobilístico, há diversos itens que começam a ser analisados muito tempo antes da data prevista: condições da praça esportiva, capacidade de público, como as pessoas vão chegar ao local e retornar a seus lares... Em caso de um acidente, quais condições e como será feito o atendimento, quantos profissionais estarão à disposição, quais as condições dos equipamentos? Em caso atendimento médico mais aprimorado, como será feito este atendimento e de que forma a ambulância deixará o local? Para os participantes, as análises vão das normais desportivas (regulamentos) às condições do equipamento, se as condições da prova desportiva oferecem a segurança necessária”, acentua Gatti.


Fonte de pesquisa e reprodução: CBA

VÍDEOS INTERESSANTES, EDIÇÃO Nº 26 - ENTREVISTA COM FELIPE MASSA, NA "MURETA COM RUBITO"

GP COMPLETO

GP COMPLETO

GP INGLATERRA 2005

CINEMA NO BLOG

CINEMA NO BLOG

EM CARTAZ

EM CARTAZ

O CORREDOR FANTASMA

CARINHA DO BLOG 2018 (FELIZ)

CARINHA DO BLOG 2018 (FELIZ)
Valeu Pietro!

Atual campeão da World Series Pietro Fittipaldi,18 anos, neto do bicampeão F-1 e Campeão F-Indy, Emerson Fittipaldi, testou pela primeira vez nas ruas de Marrakesh, no Marrocos, com o carro da Formula E da equipe Panasonic Jaguar Racing. A etapa de Marrakesh contou como a terceira prova da temporada 2017/2018. Pietro ao final dos testes obteve a 2ª colocação.





"O treino foi muito bom, terminando em segundo lugar e podendo ajudar a equipe Panasonic Jaguar Racing a trabalhar no ajuste do carro ao longo do dia. O Nelsinho Piquet (titular do carro) é um grande amigo e me ajudou a melhorar a cada saída e fiquei bastante contente com o resultado, aproveitando bem esta ótima oportunidade. A equipe ficou feliz comigo e com o Paul (di Resta, que também esteve testando com o time) e tivemos um dia bem produtivo”, diz Fittipaldi, que deu 60 voltas no teste.